©2018 by Guilherme Guimarães Advogados Associados. Proudly created with Wix.com

Governo cria a Autoridade Nacional de Proteção de Dados

December 28, 2018

 

O último Diário Oficial de 2018, nesta sexta-feira (28), trouxe a publicação da Medida Provisória nº 869, que cria a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD). A medida altera a Lei nº 13.709/2018, conhecida como Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

 

O advogado Guilherme Guimarães, especialista em Direito Digital e Segurança da Informação, explica que o papel da Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) será o de fiscalizar a aplicação da legislação, como já ocorre em outros segmentos econômicos que exigem regulação pública. “Assim como ocorre com agências como Anatel, Aneel e outras, a ANPD terá a função de editar normas e procedimentos referentes à proteção de dados coletados no Brasil”, explica.

 

A Lei Geral de Proteção de Dados já previa essa estrutura, mas acabou excluída do texto original quando foi sancionada, em agosto deste ano. A partir da MP 869, a ANPD fica vinculada diretamente à Presidência da República. Inicialmente, integraria a estrutura do Ministério da Justiça.

 

A Autoridade Nacional de Proteção de Dados será formada por representantes governo e da sociedade civil organizada. “Essa era a estrutura que faltava para que a Lei de Proteção de Dados tivesse aplicabilidade, na prática”, comenta Guimarães.

 

Além da criação da ANPD, a MP trouxe modificações parciais da Lei de Proteção de Dados. Uma das mudanças é a data da aplicação da lei, que começará a ser cobrada em 14 de agosto de 2020. “Dessa forma, quem detém dados pessoais ganhou mais seis meses para se adequar à nova legislação”, observa o advogado. O prazo previsto inicialmente era fevereiro de 2020.

 

A ANPD contará ainda com o Conselho Nacional de Proteção de Dados Pessoais e da Privacidade, formado por 23 representantes de diversos órgãos governamentais e da sociedade civil organizada.

 

Leia também:

 

Lei de Proteção de Dados traz segurança jurídica, mas exige maturidade da sociedade

Lei Maria da Penha pode ser usada para casos de agressão na internet

Tribuna orienta sobre o compartilhamento de conteúdo digital

Please reload

Our Recent Posts

Hackers invadem contas de WhatsApp

December 21, 2019

Programa Instante Digital aborda impacto da LPGD nas empresas

December 15, 2019

Podcast aborda o impacto da LGPD na comunicação

December 5, 2019

1/1
Please reload

Tags