©2018 by Guilherme Guimarães Advogados Associados. Proudly created with Wix.com

Hora de mudar a senha do Facebook

September 29, 2018

 Você já alterou sua senha do Facebook? Se desde sexta-feira (28) você continua usando os mesmos códigos para acessar a rede, saiba que seus dados podem estar em mãos erradas. Isso porque a gigante de comunicação admitiu que, em função de uma falha de segurança, hackers tiveram acesso a cerca de 50 milhões de perfis.

 

O caso está sendo investigado pelo Facebook desde terça-feira (25), mas somente três dias depois o caso veio a público. De acordo com a rede de relacionamentos, os cibercriminosos tiveram acesso ao token desses perfis, que é o recurso que mantém os usuários conectados às suas contas sem a necessidade de digitar e-mail e senha novamente a cada acesso, tanto no Facebook quanto nos outros aplicativos que tenham sido acessados a partir dos dados do Facebook.

 

Precaução

 

Por precaução, outras 40 milhões de contas que acessaram o recurso “Ver Como” – que permite ao usuário visualizar sua página como se fosse um visitante – também tiveram seus tokens invalidados pelo Facebook, num total de 90 milhões de contas afetadas.

 

O Facebook tentou minimizar o caso afirmando não ser necessário mudar senhas e alegando que os hackers tiveram acesso apenas aos tokens e, dessa forma, dados como e-mail e senha não teriam sido vazados. O advogado Guilherme Guimarães, especialista em Direito Digital e Segurança da Informação, no entanto, orienta que o mais prudente, nesse cenário, é alterar todas as senhas, não só do Facebook, mas também dos aplicativos ou sites vinculados a ele – aqueles que são acessados pela conta do Facebook. “É uma questão de segurança, porque se os hackers tiveram acesso a outros dados pessoais, como aqueles necessários para fazer login, podem inclusive remover perfis ou assumir o gerenciamento dessas contas”, comenta.

 

Outro agravante, segundo Guimarães, deve-se ao fato de que na página do Facebook é muito comum as pessoas registrarem dados privados, como local onde moram, trabalham, estudam, além de fotos e outras situações de caráter privado. “O próprio Facebook admite ainda estar investigando o caso. Por isso, não há como afirmar a extensão ou a gravidade do ataque. Quem quer manter seu perfil seguro, deve reconfigurar a senha”, alerta.

 

 

Please reload

Our Recent Posts

LGPD é tema de entrevista na TV Assembleia

November 14, 2019

O ciúme em tempos de internet

November 14, 2019

WhatsApp ganha novas funcionalidades

November 7, 2019

1/1
Please reload

Tags